20 de junho de 2009

THE END

Decididamente o tempo foi demais...

"Faz da tua ausência o bastante para que alguém sinta tua falta, mas não a prolongues demais para que esse alguém não aprenda a viver sem ti."(autor desconhecido)

Ou o sentimento foi de menos...

"Ao perder-te a ti perdemos tu e eu: eu porque tu eras o que eu mais amava, e, tu porque eu era quem mais te amava. Mas de nós dois quem mais perde és tu: porque eu poderei amar outras pessoas como te amava a ti, mas a ti não te hão-de amar como eu te amava"(Ernesto Cardenal)

Chegou ao fim a nossa história. Porquê? Porque tinha de ser assim? "Why didn't he catch my falling star?"
Eu esperei e tu deixaste-te levar pelos sentimentos do momento. Não lutaste por nós.
Escolhas. Eu escolhi-te a ti e tu escolheste outro caminho que não cruzava com o meu.
Deleito-me numa incompreensão do que se passou, e, na sensação de ainda gostares de mim e de que nunca te serei indiferente. Ficam assim num rasgo do tempo, os momentos, as saudades, o amor desmedido e a entrega total, meio na contramão.
Mas, chegou a hora de virar a página e também eu encontrar a felicidade. Mereço-o. Não quero ser a outra, não quero restos, quero alguém por completo e inteiro e que goste verdadeiramente de mim. Julguei-te a pessoa certa e critico o meu coração por ainda continuar a acreditar nisso. Talvez seja egoísmo. Mas eras meu e eu tua. Porém não se escolhe quem se ama.


Resta-me desejar não ter desejado tanto e que sejas feliz, aprendas a seguir o teu coração e lutar pelo que queres. Porque quando se quer, tudo se consegue.
Não sei se tomaste a decisão certa. O destino encarregar-se-á de te o mostrar. Tal como o fez comigo.
Se é que ainda havia uma réstia de esperança, foi-se...Se é que ainda havia uma última lágrima, evaporou. E, caiu uma pedra sobre o meu coração. Hoje tranco cá dentro tudo o que sinto. Hoje dói-me a alma. Mas basta de ilusões, a vida continua apesar de eu não querer dizer adeus e ter que admitir que estás mais longe do que o meu amor possa alcançar e que pertences a outro alguém.
Fim do capítulo (ver vídeo abaixo): NOVA VIDA.

video

2 comentários:

  1. ás vezes é preciso dar uns passos atrás para seguir em frente.

    custa, mas é possivel, eu sei.


    beijooooo

    ResponderEliminar
  2. e o que fica depois de amar, quando ainda se ama? Identifiquei-me com esta "Tatuagem de ti". Gostei. Muito. Mesmo.
    Sandra
    http://www.papoilasonhadora.blogspot.com
    http://www.chagasdeeva.blogspot.com

    ResponderEliminar